sábado, 30 de janeiro de 2010

O dia em que o Deep Purple copiou...

Há uma máxima que diz que "na natureza nada se cria, tudo se copia". Pois bem, na música não é diferente. Recentemente estava no twitter (www.twitter.com/brodizera ou @brodizera) em uma discussão calorosa com ED MOTTA (www.twitter.com/edmotta ou @Edmotta isso mesmo, é esse que vocês estão pensando "Manuel, foi pro céu") na qual comentávamos sobre algumas bandas dos anos 60/70.

E eis que ele me mandou um link muito interessante de uma banda chamada BLUE MAGOOS. Imagine um jardim num cenário impossível, como Marte por exemplo. Estranho, mas caracteriza a presença do Blue Magoos no meio onde surgiram. O grupo que surgiu querendo fazer um folk-rock, lançou em 1966 o álbum Psychedelic Lollipop. E, como o próprio nome diz, o disco afundo valendo na psicodelia. Até tudo bem, nada de anormal. Acontece que estamos falando de uma banda de NOVA IORQUE. Hã? Eles produziram com perfeição tudo aquilo que viria caracterizar o efervescente cenário cultural californiano, ou seja, do outro lado do continente.

Por tudo isso seu disco de estréia é considerado um clássico. Para perceber como eles destoavam de seu meio, basta lembrar que o Velvet Underground, surgido na mesma época e na mesma NY, imortalizou uma imagem sombria, pesada e podre daquela cidade. Porém os Blue Magoos viviam em Greenwich Village, bairro que se tornou célebre por abrigar incontáveis artistas.

O seu disco de estréia foi impulsionado por um hit milionário (We Ain't Got) Nothin' Yet, o qual se dá a máxima no começo do texto. Isso mesmo. A banda DEEP PURPLE literalmente "roubou" esse refrão para um de seus maiores sucessos "Black Night". Bendito seja o Blue Magoos. Nesse mesmo disco eles também gravaram uma pequena curiosidade do mundo do rock, Queens of my Nights (da Nashville Teens, 1964) que iria inspirar o sucesso Love Is All Around do The Troggs (aquela de Wild Thing) em 1968.

Bem, chega de conversa e veja o vídeo.


video

Wild Dogs - NWOBHM

Em algum momento da minha vida ou da sua, com certeza você se deparou com a capa deste disco em alguma loja e, asssim como eu, ficou impressionado. Mas, assim como eu, também deve ter ficado curioso e nunca (ou quase) chegou a ouvir esse petardo.





Pois bem, essa é a banda THE RODS. Essa banda é criação de David "Rock" Feinstein que tinha uma banda lá pelos idos de 1967 com seu primo a THE ELECTRIC ELVES, que mais tarde tornou-se ELF. Ah! O primo do cara é nada mais nada menos que RONNIE JAMES DIO, que saiu em 1974 pra se juntar com RITCHIE BLACKMORE e em seu novo projeto, a RAINBOW.

Mais além o cara se juntou a outros companheiros e formou a THE RODS que lançou seu primeiro disco em 1980 de forma independente "ROCK HARD". Mais tarde em 1982 veio WILD DOGS, que é um dos ótimos discos da chamada NEW WAVE OF BRITHISH HEAVY METAL, que lançou IRON MAIDEN, DEF LEPPARD entre tantas outras bandas que ficaram desconhecidas.


Se você é fã de hard rock do bom, divirta-se.

quarta-feira, 20 de janeiro de 2010

Pessoas, músicas e amores!

Matéria retirada do blog Basf 90 Minutos. Obrigado Atlantic por sempre nos trazer matérias de muito bom gosto.

Se não fosse por um dos nossos correspondentes, teria deixado passar esse ótimo texto do Calbuque sobre um site que já foi assunto por aqui. O fato é que o "Cassette From My Ex" saiu da tela do computador e virou livro. É melhor clicar na imagem abaixo do que gastar mais um parágrafo tentando explicar do que se trata. Em resumo: amor às pessoas e à música. É disso que a gente sempre fala.

E pra encerrar, sente a emoção do comentário da moça:
"Anyone who understands the obsessive attention to detail, the time it took to collate, select, and edit the content of a perfectly executed mix tape, or just someone who appreciated the rhythms and nuances of such extraordinary artifacts will treasure this collection of stories, comfortable and secure in the knowledge that such exquisite efforts were not made in vain and indeed there was a time when a humble cassette tape was perhaps the greatest gift of all."
- Shirley Manson, lead singer of Garbage

quinta-feira, 7 de janeiro de 2010

Mobilize seu altruísmo: Campanha solidária em prol da Avosos


No dia 28 de dezembro, a agência Mentes Digitais iniciou a campanha Fim de Ano Digital, em prol da Avosos - Casa de Apoio a Criança e Adolescente com Câncer. Ela tem por objetivo arrecadar fundos para a compra de notebooks como forma de apoio a inclusão digital, incentivo a pesquisa e ao entretenimento das crianças e adolescentes assistidas pela instituição.

Em 2010, no estado de Sergipe, estimam-se 1.110 novos casos de câncer em homens e 1.430 em mulheres. Esses dados são alarmantes! Uma coisa também que poucos sabem, é que Sergipe é o estado que contém o maior número de homens com o câncer no orgão genitor.
Quem tem ou teve um parente próximo com câncer, sabe o quão triste é o tratamento e como é doloroso perder um ente querido com uma doença assintomática(que não apresenta sintomas), inicialmente.

Hoje na Avosos, mais de 370 entre crianças e adolescentes recebem apoio integral para o tratamento do câncer e doenças hematológicas crônicas em Aracaju/SE. A instiruição sobrevive de apoios como esse da campanha Fim de Ano Digital.

Você pode doar qualquer quantia por meio de boleto bancário, cartão de crédito ou depósito em conta. Tudo de maneira fácil, segura e pelo o site da campanha: www.fimdeanodigital.com.br .

fonte: www.publisiridade.blogspot.com