terça-feira, 18 de março de 2014

Ouça "Strenght Beyond Strenght", que faz parte da edição comemorativa dos 20 anos de Far Beyond Driven do Pantera


Hoje, há exatos 20 anos, o Pantera lançava o supra-sumo sétimo e peso pesado disco intitulado Far Beyond Driven. Após dos sucessos de "Cowboys From Hell" e "Vulgar Display Of Power", o Pantera deu um passo para a eternidade, tornando-se gigante.

Far Beyond Driven chegou ao número 1 da parada norte-americana. O álbum segue a tendência de aumento da agressividade que os outros álbuns vinham demonstrando. Neste disco em especial, destaca-se o extremo peso do trabalho, já não considerado heavy metal, e mais voltado para o Trash/Hardcore. Nessa época, a banda realizava 200 shows por ano. "As pessoas faziam qualquer coisa pra classificar a banda delas de outra coisa - 'alternativo' ou outro nome - apenas para não ser jogada na categoria heavy metal. E nós carregávamos esta bandeira. Este disco foi muito extremo se comparado com qualquer outra coisa que tinha sido lançada naquela época", diz Vinnie Paul.

A capa original do álbum trazia uma broca encaixada no ânus de uma mulher (prostituta), mas rapidamente foi trocada por outra onde uma broca atravessa um crânio humano.


Depois que o disco saiu, o grupo entrou em uma turnê implacável. O baterista diz que o grupo fez 312 shows ao longo de um ano. Mas entre as três centenas, um ainda é especial: o festival Monster Of Rock de 1994, que foi realizado no Donington Park, no Reino Unido. Esse show é que virá como bônus da edição comemorativa de 20 anos de "Far Beyond Driven".

Ouça abaixo "Strenght Beyond Strenght", ao vivo no Monsters Of Rock de 1994:


Um comentário:

  1. Cd foda eu tenho e Pantera esta sempre na minha discoteca básica.

    ResponderExcluir